Início
Agrupamento
Atividades
Destaques
Documentos
Exames
Informações
Contactos







 Maio 2018 
DomSegTerQuaQuiSexSab
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031 
Processo de eleição dos vogais (2 efetivos e 4 suplentes) representantes dos trabalhadores na Comissão Paritária. Ver artigo
Assunto: Processo de eleição dos vogais (2 efetivos e 4 suplentes) representantes dos trabalhadores na Comissão Paritária.
No n.º 1 do artigo 59.º da Lei 66-B/2007, de 28 de dezembro, conjugado com o n.º 5 do artigo 59. º da Lei 66-B/2012, (Sistema Integrado de Avaliação de Desempenho na Administração Pública-SIADAP 3) está previsto que, junto do dirigente máximo de cada serviço, funcione uma Comissão Paritária com competência consultiva, para apreciar propostas de avaliação dadas a conhecer a trabalhadores avaliados, antes da homologação.
Nos termos do referido normativo, torna-se necessário desencadear o processo de eleição dos vogais representantes dos trabalhadores na Comissão Paritária, a funcionar pelo período de quatro anos.


pdf Comissão Paritária.pdf
Feira da Primavera Ver artigo
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem

À semelhança do que tem acontecido há vários anos, o Agrupamento de Escolas Joaquim de Araújo dinamizou, no passado dia 11 de maio, a Feira da Primavera.

Aberta a toda a comunidade educativa, que esteve presente em bom número, esta iniciativa  constituiu uma excelente oportunidade para, num verdadeiro interface, aproximar os diversos atores educativos (professores, alunos, encarregados de educação, representantes da autarquia, assistentes operacionais) envolvidos no Agrupamento, dando visibilidade ao seu trabalho.

Este evento, inserido no Plano Anual de Atividades do Agrupamento, contou com o envolvimento muito ativo dos diversos grupos disciplinares, refletindo o seu empreendedorismo e o seu propósito em valorizar e materializar o objetivos pedagógicos inscritos no Projeto Educativo do Agrupamento.

Combinando ,a preceito, sabores, sons e saberes, as diferentes turmas envolvidas na Feira da Primavera, corolário da Semana de Agrupamento, tiveram uma prestação muito meritória, dando uma inequívoca dimensão coletiva a esta importante organização, que se tornou já uma referência no panorama escolar do concelho de Penafiel.

O vasto e eclético programa da Feira contemplou inúmeras atuações, intercalando-se momentos musicais, de dança, poesia e patinagem. Antecedendo essas apresentações, o Diretor do Agrupamento saudou todos os presentes e formalizou o hastear da bandeira do Projeto Eco-escolas, tendo-se seguido a apresentação do Projeto+sucesso AEJA, supervisionado pela Dr.ª Lurdes Neves, a qual procedeu à entrega dos diplomas aos alunos e às turmas que nele participaram ao longo de todo o ano letivo.

Finalizando este dia de festa, houve, ainda oportunidade para se ouvir o Grupo de Fados Capas Negras, que presenteou a assistência com temas de inegável beleza, fechando-se o programa com a irreverente e animada atuação da Partituna, Tuna Académica do Isvouga (Santa Maria da Feira),ainda com os ecos presentes do fogo de artifício.

A todos o nosso agradecimento pelo empenho demonstrado na Feira da Primavera e em toda a Semana do Agrupamento, que decorreu entre os dias 5 e 11 de Maio!

No próximo ano, cá estaremos de novo, dispostos a fazer da Feira da Primavera um momento de afirmação da identidade do nosso Agrupamento, da sua versatilidade e capacidade mobilizadora. Com esse espírito e essa comunhão de propósitos, seremos, indiscutivelmente, mais fortes! 

Trocas e Baldrocas de Palavras e Sons Ver artigo
Imagem
Imagem

Os alunos do 5ºA e 5ºE escolheram para trabalhar a expressão escrita os escritores António Torrado e Maria Rosa Colaço, respetivamente.
Depois de pesquisarem obras de ambos os escritores puseram mãos à obra e em grupo construíram histórias com os títulos das obras pesquisadas.
A Turma A escolheu o melhor trabalho da Turma E e a Turma E escolheu o melhor da Turma A.
E, foi assim que ficaram os trabalhos de homenagem a estes excelentes escritores.



Ampliar

Ampliar

Ampliar
Procedimento concursal de recrutamento para ocupação de 1 (um) contrato a termo resolutivo certo a tempo parcial para Informática - Grupo 550 _ Horário_62 Ver artigo



pdf Aviso de Abertura_Horário_62_550.pdf

pdf Lista Ordenada de Graduação_550.pdf
A GNR na Escola Secundária Joaquim de Araújo, Penafiel Ver artigo
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem

No âmbito das atividades da ”Semana do Agrupamento”, a equipa cinotécnica da GNR deslocou-se ontem, dia 9 de maio, à Escola Secundária de Joaquim de Araújo para fazer uma demonstração das habilidades dos seus cães e cavalos, o que agradou imenso a toda a comunidade escolar. Uma palavra de agradecimento ao senhor chefe de secção, Prieto Cruz.

Ver mais Destaques
Oferta Educativa 2017/2018 Ver artigo

Jardins de Infância

JI Calvário - Bustelo
JI P. Pimentel - Guilhufe e Urrô
JI Igreja Marecos - Penafiel
JI Ponte Novelas - Penafiel
JI Agulha - Galegos

Escolas de 1.º ciclo EB

EB1 Igreja - Guilhufe e Urrô
EB1 Convento - Bustelo
EB1 Cruzeiro - Galegos
EB1 Covilhô - Novelas - Penafiel

Escolas do 1.º ciclo EB com Jardim de Infância

EB1 + JI Boavista - Santiago Santiago - Penafiel
EB1 + JI Torre - Urrô - Guilhufe e Urrô
EB1 + JI Centro Escolar de Rans - Rans
EB1 + JI Centro Escolar de Duas Igrejas - Duas Igrejas
EB1 + JI Póvoa - Guilhufe e Urrô

Escola Básica Penafiel Sul

  • 2.º e 3.º Ciclos - Ensino Regular

Escola Secundária Joaquim de Araújo


Ver mais Oferta formativa para o ano letivo 2016/2017
Centenário - Joaquim de Araújo Ver artigo


Abre-se agora este espaço, destinado à promoção, divulgação e informação do Centenário da morte de Joaquim de Araújo, poeta, cônsul, incansável promotor e divulgador da cultura portuguesa e patrono do Agrupamento de Escolas Joaquim de Araújo.
Em Janeiro de 2016 demo-nos conta que a 11 de Maio de 2017 se cumpririam cem anos da morte de Joaquim de Araújo. Começou aí o projecto de envolver o agrupamento, a câmara e a biblioteca municipal na comemoração digna e promotora do patrono do agrupamento.
São muitas as razões que nos levam a dinamizar tal efeméride. Com efeito, mesmo que Joaquim da Araújo não seja um grande poeta (embora alguns os estudiosos da sua obra não subscrevam esta consideração), mesmo que tenha saído relativamente cedo de Penafiel e não tenha regressado (pelo que sabe da sua correspondência com pena sua), mesmo que tenha assumido ideias e posições polémicas, mesmo assim Joaquim de Araújo é uma figura incontornável da segunda metade do século XIX: foi seguramente quem, no século XIX
, mais contribuiu para a divulgação e promoção da cultura portuguesa, sobretudo além-fronteiras. É razão suficiente para o agrupamento de escolas, que o tem como patrono, se envolva na comemoração do centenário da sua morte com a dignidade e respeito que merece. Não o fazer seria, além de uma omissão inadmissível em relação a esta personalidade marcante, uma perda indesculpável na consolidação da identidade do agrupamento. Para bem de todos.
É o que estamos a fazer. O Agrupamento de Escolas Joaquim de Araújo coordena e dinamiza as comemorações do Centenário da morte do seu patrono. Neste sentido, convidámos a câmara municipal e a biblioteca para se associarem a nós e nos apoiarem na dignificação, promoção e divulgação da obra de um filho de Penafiel. Do seu imediato envolvimento, que muito nos apraz e dignifica a autarquia e a biblioteca, há-de, a seu tempo, dar-se notícia. Para já, a gratidão pela disponibilidade, envolvimento e colaboração de todos.
Neste espaço serão dadas notícias sobre a comemoração, as actividades a desenvolver, as entidades envolvidas e, como não podia deixar de ser, a promoção, divulgação e dignificação de Joaquim de Araújo e do agrupamento que tem o seu nome.
Um jovem de dezasseis anos que cria uma revista literária na qual participa a quase totalidade dos escritores portugueses e não mais parou na divulgação e promoção da cultura nacional merece, certamente, o nosso apreço e justifica o nosso envolvimento.






Ver mais Centenário - Joaquim de Araújo
contactar | webmaster
Facebook  Feed Edulink Mobile Mobile Android APP